ACESSE: WWW.CFNOTICIA.COM.BR

quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

Dados são de uma pesquisa do Ministério do Trabalho. Reflexo do reajuste do salário mínimo pode surpreender no estado

Suzana Beckman
             O trabalhador maranhense recebe a terceira pior remuneração do país: R$ 1.097,80. O estado perde apenas para a Paraíba, onde um contrato de trabalho formal prevê, em média, remuneração de R$ 995,95, e para o Ceará, onde se paga, em média, R$1.056,33.
            Os dados foram extraídos da Relação Anual de Informações Sociais (Rais), base 2008, que foi divulgada durante o recesso natalino pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE).
           Atualmente, o Maranhão possui 1,9 milhão de pessoas empregadas – aproximadamente 88,18% de toda a População Economicamente Ativa (PEA) do estado. Dada a baixa remuneração, é possível que o reajuste do salário mínimo de R$ 465 para R$510, que começa a valer no dia 1º de janeiro, tenha um impacto ainda maior por aqui que na economia do restante do país. “Justamente por ter um poder aquisitivo menor que o restante da população, o maranhense pode, proporcionalmente, ser mais beneficiado com esse aumento. Há uma grande quantidade de pessoas no estado, por exemplo, que recebem apenas um salário mínimo”, explicou o economista José Cursino Raposo Moreira, vice-presidente do Conselho Regional de Economia (CRE).
Impacto
            O novo valor do salário mínimo representa um aumento de 53,4% em relação aos sete anos de governo Lula, e é considerado o maior aumento real desde 1986. Nacionalmente, deve injetar até R$26,6 bilhões na economia, e ter um impacto de R$10,85bilhões nos cofres públicos. Ainda não há dados para o Maranhão.
           Com vistas a manter o modelo de reajuste para os próximos anos, o governo federal já fixou regras. A partir de 2011, o aumento do salário mínimo deverá ser calculado somando-se o reajuste da inflação mais o aumento do Produto Interno Bruto (PIB) do país, desde que este seja positivo.
         De acordo com essas regras, o novo salário deveria ser de R$ 506. Entretanto, aproveitando o ano eleitoral e alegando que a maior parte dos caixas eletrônicos não dispõe de notas de menor valor, ficou decidido arredondar o reajuste para R$ 510 – ou R$45 a mais que o pago atualmente.
           Se a política de valorização for mantida, e considerando-se as atuais estimativas de crescimento, o salário mínimo pode alcançar o valor de R$850 em 2020 – segundo projeção do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese). Ainda segundo o órgão, o salário mínimo é a base para o cálculo do rendimento de aproximadamente 46 milhões de brasileiros.
Valores do salário mínimo nos últimos dez anos*
2000 – R$151
2001 – R$180
2002 – R$200
2003 – R$240
2004 – R$260
2005 – R$300
2006 – R$350
2007 – R$380
2008 – R$415
2009 – R$465
2010 – R$510
Fonte: portalbrasil.net
Salários do Brasil*
Os melhores...
Distrito Federal – R$3.246,44
Amapá – R$1.801,07
São Paulo – R$1.733,25
... e os piores
Paraíba – R$995,95
Ceará – R$1.056,33
Maranhão – R$1.097,80
*Relação Anual de Informações Sociais (Rais)

quarta-feira, 23 de dezembro de 2009

BARRIGA É BARRIGA...

por Arnaldo Jabour
"Barriga é barriga, peito é peito e tudo mais. Confesso que tive agradável surpresa ao ver Chico Anísio no programa do Jô, dizendo que o exercício físico é o primeiro passo para a morte.
Depois de chamar a atenção para o fato de que raramente se conhece um atleta que tenha chegado aos 80 anos e citar personalidades longevas que nunca fizeram ginástica ou exercício - entre elas o jurista e jornalista Barbosa Lima Sobrinho - mas chegou à idade centenária, o humorista arrematou com um exemplo da fauna: A tartaruga com toda aquela lerdeza, vive 300 anos. Você conhece algum coelho que tenha vivido 15 anos?
Gostaria de contribuir com outro exemplo, o de Dorival Caymmi. O letrista compositor e intérprete baiano era conhecido como pai da preguiça. Passava 4/5 do dia deitado numa rede,bebendo, fumando e mastigando. Autêntico marcha-lenta, levava 10 segundos para percorrer um espaço de três metros. Pois mesmo assim e sem jamais ter feito exercício físico viveu 90 anos.
Conclusão:
Esteira, caminhada, aeróbica, musculação, academia? Sai dessa enquanto você ainda tem saúde... E viva o sedentarismo ocioso!!! Não fique chateado se você passar a vida inteira gordo. Você terá toda a eternidade para ser só osso!!!
Então:
NÃO FAÇA MAIS DIETA!! Afinal, a baleia bebe só água, só come peixe, faz natação o dia inteiro, e é GORDA!!!
O elefante só come verduras e é GORDOOOOOOOOO!!!
VIVA A BATATA FRITA E O CHOPP!!!
Você, menina bonita, tem pneus? Lógico, todo avião tem!
E nunca se esqueçam: 'Se caminhar fosse saudável, o carteiro seria imortal'
Ufaaaaa que alívio......

sábado, 19 de dezembro de 2009

São Francisco do Brejão têm sábado eletrizante com diversas programações
                O município de São Francisco do Brejão há 70 km de Imperatriz, viveu um sábado agitado com a realização de diversas programações. Logo no início da manhã uma comitiva esteve acompanhando o prefeito Alex Santos numa vistoria aos trabalhos de calçamento no povoado Trecho Seco.
               Em seguida, a comitiva se dirigiu para a estrada vicinal que dá acesso da sede do município ao povoado Centro do Robertão, onde foram vê de perto os trabalhos finais de instalação de um bueiro nas proximidades da fazendo do senhor Antonio Sendeiro.
Na Vila Franciscano teve um badalado churrasco em comemoração a inauguração de um poço artesiano que abastecerá o bairro. Ainda na Vila, foram inaugurados oficialmente a chegado da telefonia, com a instalação de um orelhão, além das inaugurações oficiais de uma rua e da iluminação que liga o centro da cidade à Vila. Com as realizações ocorridas na Vila Franciscano, a atual gestão municipal resolve uma série de problemas que afligiam aquela comunidade há vários anos.
             No Centro Cultural o Departamento do Idoso realizou o Desfile da Melhor Idade, premiando as três primeiras colocadas, após uma bela apresentação. O Departamento do Idoso teve uma vasta programação desde o início da manhã.
            A Secretaria de Educação concluiu dois grandes projetos: o Proerd e o Professor Nota 10. O Proerd é um programa de erradicação das drogas, realizado em parceria com a Polícia Militar, que teve sua cerimônia de encerramento no Auditório da Escola Raimundo de Moraes Barros, após três meses de encontros e conscientização dos formandos, e o Professor Nota 10 é um projeto da secretaria com o objetivo de premiar os professores que mais contribuíram para o aprendizado escolar, sendo avaliados sob vários critérios, os professores destaques do ano levaram uma valiosa premiação, desde câmera digital a notebook.
          Portanto, São Francisco do Brejão está de parabéns pelas programações acontecidas neste sábado (19), e a população participou de todos os eventos com bastante empolgação.

terça-feira, 15 de dezembro de 2009

R"MINHA CASA. MINHA VIDA"
Dedicação do vereador Juscelino resulta em investimento de mais de 7 milhões de reais para construir 250 casas em Açailândia
"Quem se dedica faz a diferença. Estou trabalhando para dar o retorno aos eleitores que votaram em mim. Trabalho é a resposta". Com essa frase, o vereador Juscelino Oliveira (PSL) respondeu à reportagem como se sentia depois de ter sido destacado, como convidado de honra, para a assinatura do projeto "Minha Casa, Minha Vida", durante evento realizado na quinta-feira (10), em São Luís, na presença do presidente Luiz Inácio Lula da Silva.
A atuação do vereador garantiu para Açailândia a construção de 250 casas, no valor de R$ 7.727.588,23. A obra terá início imediato e o contrato foi assinado pelo presidente Lula, o vereador Juscelino Oliveira e o superintendente regional da Caixa Econômica Federal, José Carlos Mendes Junior. Participaram como testemunhas da assinatura do contrato, a ministra Dilma Rousseff, a governadora Roseana Sarney e os ministros Márcio Fortes (Das Cidades) e Edison Lobão (Minas e Energia).
A participação do vereador Juscelino Oliveira para desenvolver o projeto e conquistar para Açailândia as 250 casas merece ser destacada pela obstinação e resistência. Açailândia não estava entre as cidades que seriam contempladas com as obras do projeto "Minha Casa, Minha Vida", faltava "um tal" PLHIS, de responsabilidade do Poder Executivo. PLHIS é a sigla do Plano Local de Habitação de Interesse Social, que habilita os municípios brasileiros junto ao Ministério das Cidades para receber investimentos que possam contemplar a população menos favorecida, a exemplo das unidades habitacionais. O vereador cobrou da tribuna, em mais de uma oportunidade, que o Executivo tomasse as providências necessárias para a elaboração do PLHIS, se propondo, inclusive, a colaborar. Foi ignorado pelo Executivo, com o prefeito Ildemar Gonçalves ignorando também a elaboração do Plano capaz de proporcionar aos mais carentes o sonho de ter sua casa própria. Até ontem, Açailândia não possuía o PLHIS.
Açailândia não possui Plano Local
de Habitação de Interesse Social
Insatisfeito e inconformado, o vereador Juscelino Oliveira foi buscar informações junto à superintendência regional da Caixa, onde foi orientado a procurar o apoio da governadora Roseana Sarney que poderia incluir Açailândia no projeto "Minha Casa, Minha Vida". Juscelino buscou, então, o apoio do deputado federal Waldir Maranhão (PP) e do deputado estadual Alberto Franco (PSDB), a quem deu apoio nas eleições de 2006. A iniciativa resultou em 29 viagens durante a estruturação do projeto das 250 casas. Desde a primeira audiência com a governadora, que Roseana Sarney deu apoio. "Devo destacar aqui o apoio da governadora Roseana Sarney, que desde a primeira hora demostrou sua sensibilidade e sua intenção de ajudar a população de Açailândia, como efetivamente ajudou. Sem ela, essa projeto não sairia. É preciso destacar aqui também o apoio dos deputados Waldir Maranhão e Alberto Franco". Além das 29 viagens a São Luís, outras 4 foram efetuadas a Brasília, onde foi recebido pelo ministro das Cidades, Márcio Fortes. Todas elas, bancadas com recursos próprios.
Assinatura de Contrato é reconhecimento
ao trabalho e gera empregos
Vereador de primeiro mandato, Juscelino Oliveira possui bons contatos, tanto na esfera estadual quanto federal, e é bom articulador político, tanto que na primeira gestão (2005-2008) do prefeito Ildemar Gonçalves foi um dos principais auxiliares da administração, elaborando projetos e buscando recursos, em São Luís e Brasília. Sua posição destacada e bem sucedida resultou na confiança da população que lhe elegeu vereador entre os mais votados na história de Açailândia.
"Estou feliz, muito feliz. Não é fácil ser vereador. Muita gente pensa que vereador não faz nada. Esse contrato, assinado pelas maiores autoridades do país, inclusive o presidente Lula e a governadora Roseana, mostra o contrário". Durante a fase de elaboração do projeto, o vereador encontrou resistências, com muitas forças trabalhando ao contrário para impedir sua concretização. "Tudo isso agora acabou. O que importa é que o contrato foi assinado e Açailândia terá 250 casas para beneficiar sua população", disse o vereador Juscelino Oliveira, acrescentando que para trabalhar é que foi eleito e é isso que está fazendo.
A construção das 250 casas, mais que reparar uma injustiça, ao impedir que a cidade com tantas famílias sem moradia ficasse excluída por falta de iniciativa do Poder Municipal de um dos maiores programas do governo Lula, resulta, além da questão social, na injeção de recursos na economia local, com os 7 milhões, 727 mil e 588 reais sendo utilizados na cidade para comprar cimento, telha e tijolo e demais materiais de construção, além de gerar muitos empregos.

sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

Formandos em locução e apresentação são diplomados em Açailândia
31 novos locutores e apresentadores foram diplomados nesta quinta feira (10), no salão paroquial da Igreja São Francisco em Açailândia. Os novos profissionais da imprensa foram recepcionados por familiares e amigos de várias cidades da região.
Numa demonstração de enorme determinação, os alunos não mediram esforços pra realizarem o curso que acontecia às sextas feiras, sábados e domingos. Um grande exemplo foi Ericeira, funcionário do Banco do Brasil, mesmo sabendo que estava na qualidade de ouvinte, mesmo sendo o único nesta condição, não desistiu do curso, e trocou as folgas de finais de semana, por adquirir conhecimentos na área de comunicação.
De 03 julho a 14 de novembro, todos os finais de semana, os alunos estiveram assistindo aulas de Ética (professor Milton), Introdução a Comunicação (professora Andréia), Produção Vocal (fonoaudióloga Gláucia), Comunicação e Oratória (jornalista Edmilson Sanches), Sistema de Radiodifusão (radialista Jorge Quadros), Locução de Rádio e TV (jornalista Josafá Ramalho), Apresentação de Telejornal (mestre em comunicação social, Pe. Raimundo Nonato), e Orientação para o Mercado de Trabalho (administradora Katiana Cardoso).
Seis municípios forma beneficiados com o projeto da Rádio ARCA FM (Rádio Comunitária Açailândia), em parceria com o Centro de Defesa da Vida e dos Direitos Humanos de Açailândia e o SENAC (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial). Os municípios contemplados com o projeto foram: Açailândia (Mickael, Naldinho, Cleiton Viana, Ronaldo, Ericeira, Regis, Mauricio, Moacir, Dewison Harrison, Aline Silva, Rafaete Araujo, Esmeralda, Francisco Alves, Cleysson, Carlos Cristiano, Jasiel Alves, Monique Daiane, Lúcia Mendes, Márcia Araujo, Vera Cristina, Jaene Silva, Franqueline e Flávia Raquel)
Davinópolis (Jotaci Carvalho); Cidelândia (Israel Granjeiro); Vila Nova dos Martírios (Ueslei Silva); Bom Jesus das Selvas (Mauro Sergio e Iane Salazer), e São Francisco do Brejão (Antonia Meneses e Carlos Ferreira).
Agora a comunidade espera destes novos profissionais a atuação como defensores dos menos favorecidos e que passem a ser a voz daqueles que não encontram espaços nos meios de comunicação.
Como citado pelo jornalista Josafá Ramalho, o profissional da comunicação precisa entender sua função social, e participar dos movimentos sociais na qualidade de contribuinte do equilíbrio na convivência mundial a começar pela própria rua onde este resida.

sábado, 5 de dezembro de 2009

Região Tocantina recebe visita do ministro Edson Lobão


O Senador Edson Lobão, Ministro de Minas e Energia, visitou a região tocantina no último final de semana. O ministro veio a Imperatriz na sexta feira (04) de dezembro e foi recepcionado para um jantar na residência do ex-prefeito Ildon Marques.
Dezenas de correligionários estiveram prestigiando a estada de Lobão em Imperatriz, prefeitos, vereadores, secretários municipais e estaduais conversaram com o Ministro do governo Lula.
Apesar de o objetivo principal ser o de reunir-se com os garimpeiros da região, o senador Lobão recebeu diversas autoridades na residência do Ildo.
Dentre as autoridades presentes no jantar, estava o prefeito de São Francisco do Brejão, Alexandre Araujo dos Santos, que se encontrava em companhia do Secretário de Agricultura de Brejão, Antonio Barbeiro; Secretária de Governo, Sônia Santos; Diretor de Transportes, Agamenon, e do Dr. Júlio.
Na pauta do gestor do município de São Francisco do Brejão a solicitação de convênios e durante a conversa com o Ministro, este se comprometeu com o Prefeito Alex, que assim que chegar a Brasília irá conversa com o Senador Edinho Filho (substituto de Lobão no Senado), no sentido de que Edinho empenhe algumas emendas de forma a beneficiar o município de Brejão.